O Melhor do Super Famicom – Star Ocean

Antigamente tínhamos várias empresas que se empenhavam no ramo dos RPGs pra games. Duas delas entraram em grande destaque, uma foi uma tal de Squaresoft e outra, a Enix, responsável por este clássico.

cover

Tudo começa com dois guerreiro que trabalham para proteger sua cidade; um se chama Ratix e é o protagonista do game, e o outro, Dorn Marto. Num certo dia uma doença contagiosa começou a se propagar por ali, numa cidade vizinha. Esta doença transformava a pessoa em pedra, e um dos contaminados é o pai da melhor amiga de Ratix, que tinha ido até a cidade tentar exterminar a doença e acabou sendo vítima. Ratix, Dorn Marto e  Milly (a filha do homem) foram atrás de uma erva que curava qualquer doença, a erva Metox, porém, duas pessoas acabam surgindo do nada.

star-ocean-j-teng10_dejap_00000

Um deles (Ronixis) é o capitão de uma espaçonave da Federação da Terra e sua colega que trabalha no campo científico (Iria). Eles contam que a tal doença foi mandada para a Terra por uma raça inimiga da Federação da Terra, os Resonians. Ratix, Dorn (que ficou infectado também) e Milly vão para a espaçonave deles e a aventura começa, em busca de uma solução para eliminar tal doença do planeta.

star-ocean-j-teng10_dejap_000082

Aqui temos um RPG quase tradicional; você sai para conversar com as pessoas nas cidades, tem mapa, magias e tudo mais mas com um sistema de batalha bem diferente, onde as lutas acontecem em tempo real e você ataca quando os personagens se aproximam do inimigo, usando ataque normal ou os botões L e R que você programa no menu para utilizar técnicas especiais. Além disso Star Ocean tem sistema de Jobs onde você começa e vai evoluindo diversas habilidades.

Sistema de batalha diferente do que costumamos ver em RPGs

Sistema de batalha diferente do que costumamos ver em RPGs

No “mapa” você anda á procura de lugares onde quer chegar, onde costumam ser cavernas ou uma porta de entrada para os vilarejos e nesta entrada geralmente aparece ações que variam. O seu grupo pode pedir pra entrar na cidade enquanto você pode ir em outro lugar, essas coisas.

O "mapa" de transição

O “mapa” de transição

Como foi dito no próprio título do post, o game não saiu do Japão. Porém, há um remake para PSP, além das continuações do game para PS1 (The Second Story), Game Boy Color (Blue Sphere), PS2 (Till the End of Time) e está previsto para janeiro de 2009 o quarto capítulo da série para XBox360 (The Last Hope).

3 comentários

  1. Pra mim o melhor RPG do Snes, é fantástico, só não teve reconhecimento por não ter saído do Japão. Mas é tão soberbo que até hoje a emulação de sua tecnologia é um problema.

  2. Putz, e nem falaram de alguns detalhes importantes, como o fato de este jogo ter vozes digitalizadas(destaque para a conversa logo na introdução), um feito inacreditável para o SNes! Realmente, se a Nintendo tivesse se interessado em lançar este jogo no Ocidente, teria feito um sucesso e tanto… graficos maravilhosos(no nível superior ao de Chrono Trigger), bela trilha sonora, história muito bem trabalhada, além de muitos e muitos detalhes que fazem este jogo ser inacreditável… só jogando para entender essa sensação(destaco uma cena curiosa: no meio do jogo, em uma das cidades, você encontra com uma menininha que joga RPG com seu personagem! Doido!). Eu poderia falara noite inteira sobre este jogo, mas é melhor jogar mesmo pra saber(ainda bem que existe uma tradução pro inglês).

    Um último detalhe: existe até mesmo um anime de Star Ocean! Ele seria como que uma sequência do primeiro jogo, e se não me engano, conta a história do filho do Ronixis.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s