Clássicos até o Fim: Alundra [13]

Bom, após a morte de Kline, o caçador da vila, Jess fabricou mais uma arma para mim: o arco-e-flechas, que por sinal tem flechas infinitas! O ponto agora é seguir para o pântano, onde vive um lagarto gigante perigoso. Chegando lá, atire uma flecha no globo verde sobre uma plataforma mais alta para que a passagem se abra.

Essa dungeon é uma das mais chatas do jogo, tudo por conta dos inimigos: lagartos bem armados com espadas e escudos, que defendem o tempo todo, complicando sua vida.

Reptile Lair

Assim que chegar na dungeon, cairá na água. Nade à direita e suba nas plataformas de madeira para alcançar as plataformas móveis. Salte de uma em outra até poder alcançar a parte alta com um baú, contendo uma Herb e uma alavanca no canto. Ative a alavanca e pule em uma das plataformas móveis que agora desce até a parte baixa, para poder saltar onde estão algumas estátuas de lagartos. Ali temos duas saídas: a da parede nos leva à saída da dungeon, então, desça as escadas.

Lá embaixo, mate todos os lagartos (eles defendem muito, como eu disse, sua única forma de atingí-los é em sua animação de ataque, quando estão vulneráveis) e siga para porta ao norte que se abriu, entre as duas estátuas. Tome cuidado com os espinhos no chão, pegue a pedra na plataforma de madeira e siga saltando nas plataformas, evitando ser atingido ou cair na água. Na última delas, salte e arremesse a pedra na alavanca para acioná-la. Volte até a tela dos lagartos e siga para direita, subindo a rampa.

salte com a pedra na mão e jogue-a na alavanca à esquerda

Na próxima tela, mate os lagartos para conseguir acionar a alavanca atrás do monte de estátuas deles, abrindo uma passagem no chão. Desça e use a Iron Flail para destruir os blocos, formando uma escadinha para poder subir. Mais ao alto, destrua as estátuas com a Iron Flail para não produzirem mais inimigos e mate os restantes. Desvie das bolas de fogo e suba as escadas no final.

olha lá a alavanca escondida

Novamente, mate todos os lagartos e destrua suas estátuas, coletando uma Herb no baú no alto. Abaixo, salte nas pilastras de pedra e pegue uma chave no baú. Volte tudo até a primeira tela, aquela cheia de água e de plataformas móveis. Salte nas plataformas de madeira e siga por cima, atrás das quedas d’água. Siga em frente, matando os dois lagartos e abrindo a grade. No baú abaixo, caso precise, há um Strenght Tonic. Desça as escadas. Lá embaixo, pegue uma Herb no baú e continue descendo, dessa vez por um pequeno labirinto onde algumas colunas são destruídas com a Iron Flail. Para facilitar, basta olhar na imagem e ver a saída do lugar.

Pule na plataforma com as estátuas, mate dois lagartos e desça. Abaixo, acerte todas as estátuas quando estas brilharem em verde e desça novamente. Agora chegamos na sala do save point, recupere suas energias e siga pelas escadas ao norte, igorando por enquanto o outro teleporte. Mate mais duas estátuas para abrir passagem e continue subindo. Atravesse um pequeno labirinto onde chamas te perseguem e desça as escadas.

a sala do save point

Assim que chegar na sala abaixo, pegue um Strenght Tonic no baú e, se preferir, desvie dos lagartos e desça as escadas no final. (1)Ao descer as escadas, note que há uma porta fechada logo atrás delas . Siga, por enquanto, por baixo, subindo mais um lance de escadas. Na próxima tela, temos três círculos de estátuas de lagartos, onde, no meio de cada um deles, há um pequeno triângulo. Se pisar ali, os lagartos tomam vida. Com base nisso, “ative” somente os lagartos do círculo mais baixo, à esquerda. Mate os lagartos e suba no canto, indo pra outra ponte e pegue um Life Vessel no baú (22) e acione a alavanca. Ao acioná-la, volte até os círculos e suba, pulando na plataforma móvel e seguindo pelas escadas.

à esquerda, a porta pela qual entraremos em breve, à direita, mais um LIFE VESSEL pro bolso!

Mais uma tela com estátuas: mate tudo que virar lagarto e destrua as estátuas. Agora suba, pise no botão e, logo abaixo, use o pedestal onde estava uma estátua para pular no morro e dele, pra cima da outra estátua, alcançando o segundo botão. Siga para direita. Destrua os blocos de pedra e pise no botão: as 8 estátuas vão criar vida, use o Earth Scroll para não morrer aqui (acredite, 8 lagartos te atacando num espaço confinado é pior do que qualquer chefe) e saia da sala.

tocando o terror!

Saindo da sala, siga pela saída ao sul. Desça reto e mate mais 8 lagartos, se preferir, use novamente o Earth Scroll. Na próxima sala, mate as três estátuas que soltam lagartos e limpe a tela. Use o pedestal mais próximo da escada, pule no pilar de pedra e dele pra estátua, seguindo pra escada. Mate mais três lagartos na próxima tela e alcançaremos um lugar cheio de espinhos. Dê a volta por cima e acione a alavanca para surgir uma plataforma móvel; pule nela e equipe a Iron Flail, para poder acertar a outra alavanca distante e liberar mais uma plataforma móvel que nos levará à saída da sala. Note, antes, uma enorme estátua do lado direito…

Subindo as escadas, estamos novamente em uma área alagada! Nade por entre as bolas de espinhos e, ao alcançar os pilares de pedra, suba neles e pegue um Gilded Falcon no baú ao alto. Volte até os pilares e use-os para alcançar o botão e liberar a passagem acima. Na sala acima, mate todos os lagartos e solte uma bomba na estátua maior ao fundo. Volte tudo até aquela enorme estátua, na sala das alavancas e espinhos. Tendo ela desaparecido, siga por ali, recupere as energias no pequeno triângulo e destrua mais algumas estátuas para poder prosseguir à direita.

Na próxima sala, solte bombas na fissura na parede e espere por DEZ LAGARTOS saírem dali enfurecidos. Earth Scroll neles! Assim que limpar a tela, pegue uma chave no baú e volte até aquela porta, lá atrás, antes da ponte de madeira (1). Entre por ali, recupere as energias e siga pra batalha contra o chefe!

a entrada por onde a estátua sumiu e os 10 lagartos me esperando pro combate!

Chefe: Reptilicus Maximus

Esse chefe é chato! Além dos seus ataques, ele manda um monte de lagartos te atrapalharem, tirando generosas quantias de HP de Alundra. O princípio aqui é atacar o chefe sem parar, pois o malandro ainda pode regenerar sua energia. Às vezes o inimigo dá um pisão que deixa todo mundo paralisado, inclusive os lagartos; nessa hora, salte junto e carregue o ataque para tirar mais energia do chefe. No mais, Herbs, Strenght Tonics e as magias Earth Scroll (ataque) e Water Scroll (cura) são muito bem vindas.

Destruído, Jeal, mais uma entidade, surge parabenizando Alundra e avisando que Melzas é osso duro e todo aquele papo de sempre. Jeal deixa dois baús, logo ao lado esquerdo, contendo o Fire Scroll e a Saphire Crest dentro deles. Desça e use o teleporte para desaparecer desse lugar, rumando diretamente para Inoa! No próximo capítulo, mais um morador sucumbe aos pesadelos fatais, semana que vem eu conto que é dessa vez!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s