20 Grandes Games Completando 20 Anos esse Ano (Parte 2)

Segue a lista dos 20, acompanhe hoje mais 10 clássicos que completam 20 anos esse ano

_____

11. Chakan: The Forever Man (Mega Drive)

Ed Annunziata, o produtor desse sombrio game conheceu o criador de Chakan –  Robert A. Kraus – em uma convenção, ficou impressionado e lançou o jogo, muito polêmico em uma época onde o console da Sega estava recebendo quilos de plataforms de personagens infantis licenciados.

_____

12. Super Mario Kart (SNES)

Um dos meus preferidos jogos do bigodudo e talvez o que mais gastei horas jogando (excluindo os Megamans). Mario Kart é jogo para qualquer hora, qualquer lugar, com qualquer membro da família, e ainda consegue ser um bom jogo de corrida se quiser jogar sério.

_____

13. Teenage Mutant Ninja Turtles: Turtles in Time (SNES)

Um ano depois de explodir nos arcades, a viagem no tempo das tartarugas ninjas mutantes explode no SNES, com pequenas alterações, mas um pacote espetacular de diversão.

_____

14. Sonic the Hedgehog 2 (Mega Drive)

 

A sequência apresenta a raposinha “Tails”, o sidekick famoso pela inutilidade e sexo indefinido. Sonic 2 dispensa maiores comentários, um clássico eterno.

_____

15. Virtua Racing (Arcade)

V.R. apareceu mostrando um novo conceito e engine para gráficos 3D, o Model 1 da placa Sega-AM2. Impressionante para alguns, ridículo para a maioria, mas não deixa de ser um marco.

_____

16. Wolfenstein 3D (DOS)

Esse jogo parece jurássico mas está completando apenas 20 aninhos. Se você é viciado em jogar FPS online hoje, agradeça a esse senhorzinho aí.

_____

17. Top Gear (SNES)

Um game de corrida para 2 jogadores que era mais cooperativo do que competitivo, jogado até hoje e lembrado com muito carinho por quem disputou longos rachas e ficou sem gasolina na última volta.

_____

18. Kid Chameleon (Mega Drive)

Um garoto que entra em um arcade e transforma-se em personagens com poderes específicos, e pode “escolher” quem vai ser na fase. Uma formula que deu certo, e até hoje tem gente chorando por uma sequência na nova geração.

_____

19. Mega Man III (Game Boy)

O jogo é uma versão “pocket” da versão do Nintendinho, com detalhes que impressionaram no GB. Megaman de bolso, tem coisa melhor?

_____

20. Axelay (SNES)

Konami e shooters… uma combinação que sempre deu certo. Axelay inovou nos efeitos visuais, as fases em scroll vertical tem um efeito de profundidade inédito para a época, e a nave apresenta detalhes impressionantes.

Baseado nesses games, concluímos que realmente 1992 foi um ano bom.

4 comentários

  1. foi um otimo ano mesmo,inesquecivel pena que axelay ficou no meio do caminho e Chakan ,ainda gnahou uma demo de dreamcast

  2. 1992 realmente foi um bom ano, foi nele que comecei a ser gamer jogando Street Fighter 2.

    Chakan é otimo, embora seja difícil feito a peste. o Mario Kart, eu e meu irmão íamos direto, assim como Top Gear, e nós nunca ficamos sem gasolina na ultima volta, foi bem antes…o Alexay até hoje quero entender porque não teve uma continuação. Wolfstein e Kid Chamaleon tenho que arrumar um tempo para joga-los e aprecia-los

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s