PS2 GAME OF THE WEEK – GRANDIA 3

Um primor de rpg da série Grandia pro PS2, obra da Square-Enix. Considerado um dos melhores rpg’s do console em termos de jogabilidade, gráficos, trilha sonora e um roteiro um tanto clichê em certo ponto, mas com desdobramentos surpreendentes, este jogo é uma experiência fabulosa em todos os sentidos.

Yuki e sua turma vão aprontar altas confusões em suas aventuras épicas, na terra, mar, e principalmente no ar!

A história gira em torno de Yuki, um garoto que sonha em voar de avião, deixar sua pacata e tediosa vila e rumar ao continente em busca de reconhecimento. No trajeto, sua mãe Miranda acaba pegando carona sem ele saber, e enquanto eles viajam, uma garota loira de orelhas pontudas chamada Alfina está sendo perseguida por cavaleiros estranhos. Claro que Yuki vai correndo ajudá-la… e a partir desse ponto, a estória se desenvolve e você conhecerá mais personagens jogáveis como Alfonso, Ulf, Dahna e outras pessoas memoráveis, importantes para o enredo.

O jogo enche os olhos a cada cenário explorado. Em campo, você pode atacar inimigos para desorientá-los e iniciar o combate antes deles, detectar itens escondidos, etc.

O sistema de combate Grandia, com o círculo de ações permanece. Você deve usar de estratégia ao selecionar seus ataques, de olho na barra de ação do personagem e dos inimigos. Use ataques especiais e golpes críticos para cancelar ataques fortes dos inimigos e proteger seus amigos. Usando golpes normais e ganhando níveis, você libera mais golpes especiais; usando estes mais vezes seguidas, você aumenta o dano dos mesmos, dando-lhe mais chance de sobreviver às batalhas, que ficam caoticamente difíceis nos últimos estágios do jogo. Golpes que lançam o inimigo no ar podem ser seguidos por golpes aéreos, que dão mais dinheiro, experiência e itens raros, como Ovos de Mana (itens elementais que afetam a eficiência de suas magias).

Cancelar ataques é um movimento chave neste jogo: pode impedir um game over . Aprenda a dominar o momento de usá-lo prestando atenção no círculo de ações no topo esquerdo superior da tela.

Além de golpes normais, combos, críticos e especiais, você pode usar magias, as quais devem ser compradas em lojas e equipadas de acordo com cada personagem. Existem livros e Ovos de Mana que você equipa para aumentar o dano destas magias, de acordo com a afinidade elemental de cada personagem. Mas a personalização é possível: você pode colocar qualquer magia em qualquer pessoa, dependendo dos livros e Ovos de mana que ela estiver usando no momento. Assim como magias, você também compra skills diversas (aumentam HP, força, agilidade, ganhar mais dinheiro, itens, etc.) cuja eficácia também é afetada pelos livros que você equipa. É uma boa idéia comprar várias skills para usá-las em determinadas situações e não se ver sem opções quando avançar no jogo.

 

As magias são um dos pontos altos do game, em termos de ataques aos inimigos, e na animação gráfica da engine deste jogo.

Você usa um avião a partir de um certo ponto do jogo, e pode explorar algumas localidades a esmo, mas há necessidade de se progredir com a estória para que certos locais se tornem disponíveis no mapa. Pilotar o avião é essencial para ir e voltar a cidades, portos, dungeons, florestas, etc. Não é nada difícil, mas é algo que fará com frequência neste game. Em particular, as recepções de rádio que você escuta durante o vôo lhe dão dicas sobre o desenrolar dos eventos principais do jogo e suas consequências no planeta.

Voar é o sonho de Yuki e ele o realiza com maestria neste jogo. O visual no mapa é bastante detalhado pro PS2.

A tela de equipamento é decentemente fácil de usar. Existem vários itens para equipar, dentre os quais os Ovos de Mana e os livros de skills/magias são os mais importantes. Obviamente armas, armaduras e demais acessórios têm papel fundamental na sua sobrevivência durante o jogo. É necessário sempre ter os melhores equipamentos disponíveis para diminuir as dificuldades progressivas das dungeons. Isso porque os chefes e certos inimigos tendem a pegar você de surpresa e dar-lhe uma bela surra, se você não souber o que fazer.

Tela de customização e equipamentos do personagem.

 

Em certos combates com multiplos inimigos, a ação se torna tão frenética que fica difícil acompanhar o que todos os personagens fazem; os slowdowns ocorrem apenas quando algum personagem ou inimigo é derrubado. A ação do jogo é ininterrupta do momento em que se inicia o combate até o final do mesmo. Use bem os comandos de defesa para se movimentar pelo campo de batalha e para diminuir danos de golpes que você não conseguirá evitar. Ao visualizar cada inimigo, você pode ver o golpe que ele usará e que personagem ele vai atacar. Isso exige que você antecipe suas ações e tome as devidas providências. Finalizando as batalhas sem levar dano, você ganha mais pontos de capacidade e experiências, aumenta seu nível, e seus slots de magias e skills.

Batalhas épicas com diversos inimigos na tela o esperam!

Sendo o melhor rpg da franquia, recomendo G3 a todo amante do estilo. Só pecou em não ter legenda nas cutscenes maravilhosas do game: julgo algo sempre necessário. Mas as legendas estão presentes em todos os outros momentos do jogo, então você não fica totalmente perdido se não entender alguma coisa. As tradicionais cenas de conversas entre os personagens estão de volta: entre um capítulo e outro, você pode selecionar cada um para continuar determinada conversa até que os assuntos sejam esgotados e vocês durmam para recomeçar a aventura no outro dia. Resumindo: baita jogão lindo e gostoso pra jogar do início ao final.

 

Nota: 9/10

 

 

 

4 comentários

  1. Taí uma série que ainda preciso jogar, não joguei NENHUM game ainda. E que visual lindo, pqp! Square maldita, fica reciclando (e matando) Kingdom Hearts e abandona Grandia…. aliás, quando foi que Grandia saiu da Gamearts e foi parar na Square? oO

  2. Grandia é uma série que jogava…mas vou recuperar o tempo perdido. e concordo com o Cosmão, deveriam fazer mais Grandias e menos(bem menos..) Kingdom Hearts/ Reino de Corações. dizem que o unico que prestou só foi o primeiro game, mas discordo. vou procurar esse terceiro game e ver como é. parece bem feito.

  3. Cara sinto uma falta tremenda de games assim hoje. Essa ultima geração de consoles foi bastante fraca e esse foi um dos motivos, falta de JRPGs bons. Quando reviver meu PS2 vou jogar muito desses. Parabens Batera por mais essa!

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s